Mais de 300 mil filhotes de quelônios são devolvidos à natureza em unidades de conservação do Amazonas  

 

Mais de 300 mil filhotes de quelônios são devolvidos à natureza em unidades de conservação do Amazonas   

. A Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) devolveu à natureza 304.899 filhotes de quelônios nos sete primeiros meses deste ano. A soltura das espécies de tartarugas (Podocnemis expansa), tracajá (Podocnemis unifilis), irapuca (Podocnemis erythrocephala) e iaçá (Podocnemis sextuberculata) ocorreu no âmbito das atividades de monitoramento da biodiversidade, implementado em oito Unidades de Conservação (UC) do Amazonas.

 

. As atividades de soltura dos quelônios na natureza ocorreram na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Uatumã, RDS de Uacari, Área de Preservação Ambiental (APA) Nhamundá, RDS Piagaçu-Purus, RDS Puranga Conquista, RDS do Rio Madeira, RDS Igapó-açu, Reserva Extrativista (Resex) do Rio Gregório, Resex Canutama, Parque Estadual Matupiri e Mosaico do Apuí, todas gerenciadas pela Sema.

 

. O trabalho de conservação dos quelônios é realizado pelos próprios comunitários, em conjunto com os técnicos da secretaria. Antes da execução da atividade, os moradores participam de palestras educativas sobre a importância do monitoramento de quelônios para a proteção dos ambientes e da fauna local. 

 

. De acordo com o supervisor técnico da Sema, Jefferson Moreira, o monitoramento e a soltura das espécies ao longo do ano é importante para que se consiga aumentar a população de quelônios na natureza e garantir a preservação das espécies.

 

. “O processo de soltura dos quelônios é importante para envolvermos as comunidades em um processo de conscientização para preservação das espécies. Antes, eles tinham uma relação com esses animais focada na alimentação. Com estas atividades, aumentamos a taxa de sobrevivência desses quelônios e garantimos a conservação das espécies”, relatou o técnico da Sema.

 

. Ao todo, 11 unidades de conservação realizam a soltura destes animais. O primeiro ciclo de desova das espécies ocorreu na RDS de Uacari, com a soltura de 200 mil quelônios. Nos próximos meses, a secretaria estará realizando o monitoramento da biodiversidade para os próximos ciclos de devolução dos filhotes de quelônios nos tabuleiros das praias

 

Conteúdo

Categorias