domingo, março 3, 2024

Em nova pesquisa, David Almeida dobra vantagem na disputa pela reeleição

O prefeito de Manaus, David Almeida, vem ampliando mês a mês a liderança na disputa pela reeleição em 2024. Em nova pesquisa realizada pelo Instituto Perspectiva, Mercado e Opinião, divulgada nessa quinta-feira (24/8), David aparece com 36,9%, pouco mais de 10 pontos percentuais à frente do segundo colocado, o deputado federal Amom Mandel (26,4%).

Nessa mesma pesquisa, estimulada, com a apresentação de dez nomes ao eleitor, o resultado significa crescimento de 5 pontos percentuais para David em comparação ao desempenho apresentado por ele na pesquisa anteriormente realizada pelo mesmo Instituto. Em março, o prefeito registrou 31,9%, contra 26,2% de Amom. Ou seja, David ampliou a vantagem frente ao adversário, com 26%.

A nova pesquisa ouviu 2 mil pessoas, metade por telefone e a outra presencialmente. Ela foi realizada entre os dias 14 e 21 deste mês, abrangendo eleitores de todas as zonas da capital amazonense. A margem de erro, afirma a Perspectiva, é de 2,2%, para mais ou para menos, e o grau de confiabilidade do estudo é de 95%.

Os demais nomes consultados junto ao eleitorado de Manaus foram:Coronel Menezes, José Riccardo, Capitão Alberto Neto, Riccardo Nicolau, Roberto Cidade, Armando Mendes e Plínio Valério, todos com menos de 10% das intenções de voto.

Espontânea

Na abordagem em que o pesquisador não apresenta nomes, David Almeida também lidera, e com uma margem ainda maior para o segundo colocado: 18,8% contra 7,7% de Amom. Os demais nomes citados, com 2% ou menos, são: Coronel Menezes, Ricardo Nicolau, Capitão Alberto Neto, Arthur Neto, Alessandra Campelo, Carol Braz, Wilker Barreto e Anne Moura.

Segundo turno

A pesquisa também perguntou em quem o eleitor votaria em um eventual segundo turno. Tanto na pesquisa de março quanto na pesquisa realizada pela Perspectiva neste mês, David vence.

Em março, o placar foi: 45,3% David contra 42,8% Amom. Na pesquisa de agora, David amplia vantagem, chega aos 48,5% e Amom cai para 41,7% nesse eventual cenário de segundo turno.

Texto: Avante Amazonas

Matérias Relacionadas

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Últimas Notícias