sábado, maio 18, 2024

Prefeito de Manaus assina o ‘Plano de Cultura’ para ser encaminhado à CMM

O plano de cultura foi assinado pelo prefeito David Almeida, nessa última quinta-feira (27/4), e exibido na abertura do 1° Seminário Municipal de Cultura, para ser encaminhado, na próxima semana, para análise e aprovação da Câmara Municipal de Manaus (CMM).

Na abertura do evento, o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Osvaldo Cardoso, fez o anúncio e encaminhamento do Plano de Cultura, ressaltando o trabalho de escuta pública e elaboração pelo Conselho Municipal de Cultura (Concultura).

“Estamos reestruturando o setor cultural, através do diálogo e trabalho. Muito trabalho, inclusive, ouvindo os segmentos artísticos, construímos, a várias mãos, o Plano Municipal de Cultura, que era um débito dos gestores culturais que perdurava há quase 20 anos, e a gestão David Almeida entregou hoje. Isso é um marco histórico”, informou Cardoso.

Na cerimônia de abertura, a secretária dos Comitês de Cultura do Ministério da Cultura (Minc), Roberta Cristina Martins, abordou a retomada da política cultural do Brasil, que volta a existir no governo atual, como política de estado, e começa pelo local, nos municípios e comunidades. Ela anunciou que, além do investimento financeiro, o Minc vai instalar um escritório local, para acompanhar de perto as realizações de planos e ações como as leis Aldir Blanc e Paulo Gustavo, bem como os comitês de cultura e o novo Plano Nacional de Cultura.

Debates

A primeira mesa-redonda do dia teve um público que lotou o auditório onde o “Diálogo intercultural” foi tema das falas da secretária dos Comitês de Cultura do Minc, Roberta Cristina Martins; da coordenadora-geral do Sistema Nacional de Cultura, Micaela da Costa Zeferino; do diretor do Sistema Nacional de Cultura, Lindivaldo Oliveira Leite Junior; e o coordenador-geral dos Comitês de Cultura, Xaui Peixoto Torres Azevedo; com mediação de Wallace Almeida, do Departamento de Cultura da Manauscult.

A gestão cultural e perspectivas foi o tema da segunda mesa, debatido pelo secretário-executivo da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, Luiz Carlos de Matos Bonates; ator e diretor teatral, José Iran Lamego Barbosa; gestora cultural, Aidalina Costa; e o mediador, vice-presidente do Concultura, Neilo Batista.

No turno da tarde, a segunda rodada de debates, o poeta Dori Carvalho recitou o poema “Geografia Provinciana”, da poeta manauara, Astrid Cabral.

A palestra “produção simbólica e a diversidade cultural” foi proferida pelo professor doutor, João de Jesus Paes Loureiro, escritor, poeta e professor da Universidade do Pará. Seguido da mesa temática sobre diversidade cultural, com os escritores João Paulo Barreto (Tukano), antropólogo, fundador do Centro de Medicina Indígena; Patrícia Alves Melo, doutora em história e professora da Universidade Federal do Amazonas;

Lydia Lúcia Nunes de Souza, gestora em eventos; com mediação do diretor e roteirista, Alan Gomes, conselheiro, representante do segmento do audiovisual do Concultura.

A programação do último dia, 28/4, destaca o grande eixo cidadania e direitos culturais, com as palestras, às 9h, “Cidadania e Direitos Culturais”, ministrada pelo sociólogo, Renan Freitas Pinto. Às 10h, a mesa-redonda “Cidadania e Direitos Culturais”, tendo como debatedores, a advogada Nathayni Castro Becil, especialista em direito público; José de Arimatéa Passos Lopes, diretor financeiro da LIGFM, e o mediador, Ricardo Moldes, conselheiro, representante do segmento de Dança.

Às 14h, vai acontecer a palestra “Cultura e Desenvolvimento”, por Galiana Brasil, gestora do núcleo de artes cênicas, literatura e música do Itaú Cultural. Seguido, às 15h, da mesa “Cultura e Desenvolvimento”, com os debatedores, a cantora e produtora cultural, Elisa Maia, gestora, Maria Helena Garcia, gerente de relacionamento do Sebrae/AM, Taciano Araripe Soares, artista de cena, produtor cultural e professor universitário, com mediação do ator e diretor, Francis Madson, conselheiro representante do segmento do teatro.

Oficinas

Duas oficinas foram disponibilizadas: dia 28/4, acontece a oficina de “Elaboração de Projetos para Captação de Recursos”, e no dia 27/4, foi realizada a oficina de “Formalização de MEI:Sebrae/AM.

Matérias Relacionadas

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Últimas Notícias