quarta-feira, junho 12, 2024

Defensoria Pública do Amazonas abre concurso com salários de até R$ 6 mil

A Fundação Carlos Chagas vai abrir, nesta segunda-feira (14), as inscrições para o concurso público para provimento de cargos do quadro de servidores auxiliares da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM).

O certame prevê duas vagas para ensino superior (Manaus e Humaitá), com salário inicial de R$ 6.883,29, e uma vaga para ensino médio (Manaus), com salário inicial de R$4.051,91. O edital foi publicado na quinta-feira (10).

Para se inscrever, o candidato deve acessar o site da banca examinadora a partir das 10h (horário de Brasília), desta segunda-feira. As inscrições seguem até 23h59 do dia 6 de setembro de 2023. A taxa de inscrição é de R$ 110 para ensino superior, e R$ 90 para ensino médio.

Um posto de inscrição com acesso à internet será disponibilizado na sede administrativa da DPE-AM, localizada na avenida André Araújo, 679, Aleixo, na Zona Centro-Sul de Manaus. Para acessar o edital completo clique aqui.

Cargos

Para o cargo de Analista Jurídico de Defensoria, será exigido que o candidato possua diploma de graduação no curso de Direito ou Ciências Jurídicas, expedido por qualquer instituição devidamente reconhecida pelo Ministério de Educação (MEC). Para este cargo, estão previstas duas vagas, sendo uma para Manaus e uma para Humaitá, com salário inicial de R$ 6.883,29.

Para o cargo de Assistente Técnico de Defensoria, também será exigido que o candidato tenha concluído o ensino médio ou curso técnico equivalente, em qualquer instituição reconhecida pelo MEC. A remuneração inicial é de R$4.051,91.

A jornada de trabalho dos servidores será de 6h ou 8h diárias, a critério o defensor público-geral. Para obter outras informações, o candidato deve acessar o edital completo no link .

Provas

Para todos os cargos, o concurso público contará com prova objetiva, contendo 60 questões de múltipla escolha, divididas em conhecimentos gerais e específicos, de caráter habilitatório e classificatório. A prova de nível superior contará ainda com prova discursiva (estudo de caso).
O conteúdo programático está disponível no anexo II do edital.

A previsão é que as provas sejam aplicadas no dia 22 de outubro de 2023, nas duas cidades previstas no edital (Manaus e Humaitá).

 

Matérias Relacionadas

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Últimas Notícias