quarta-feira, junho 12, 2024

David Almeida apresenta avanços na infraestrutura, saúde, educação e meio ambiente em Manaus

O prefeito de Manaus, David Almeida, participou, nessa terça-feira (14/5), de entrevista no programa Amazonas Urgente, da TV Band Amazonas. Na ocasião, o chefe do Executivo municipal apresentou um panorama dos avanços da sua gestão em áreas como infraestrutura, saúde, educação e meio ambiente.

Durante a entrevista, telespectadores afirmaram que caso ocupassem o cargo de prefeito, trabalhariam pela melhoria da infraestrutura da cidade, principalmente na recuperação de ruas. David Almeida pontuou que compartilha desse pensamento, razão pela qual a prefeitura já recapeou mais de 2.700 ruas, por meio do programa “Asfalta Manaus”, e que mais 2.300 serão recuperadas na nova fase do programa.

O prefeito lembrou que, até então, a gestão anterior foi a que mais asfaltou ruas na história de Manaus, com 865 no total, mas que a sua administração já superou a essa marca e tem a meta de recapear cerca de cinco mil ruas, completamente refeitas, sem contar as vias recuperadas. “Nós estamos trabalhando para que a gente possa melhorar a infraestrutura da nossa cidade, se ainda não chegou na sua rua, aguarde que a gente vai chegar em breve”, disse.

Saúde

Na área da saúde, Almeida apontou o aumento da cobertura da Atenção Primária, que saiu dos 42% quando assumiu, chegando aos atuais 82%. Segundo David, esse resultado foi obtido com reforma de unidades de saúde e entrega das cinco novas Unidades de Saúde da Família (USF), de porte 4, com 1.200 metros quadrados, ampliando a capacidade de atendimento.

A última USF de porte 4 foi inaugurada nessa semana, na segunda-feira, 13/5, e o prefeito anunciou que nos próximos 15 dias mais uma será inaugurada no bairro Cidade de Deus. “Em mais quatro meses entregamos as demais UBSs que estão sendo construídas, para chegarmos a 88% a 90% de cobertura da Atenção Primária, que segundo o Ministério da Saúde, a cidade chegaria a sua capacidade máxima”, destacou.

Educação

Na educação, Almeida citou a reforma de 334 escolas, o pagamento do terceiro melhor salário do Brasil aos professores e enfatizou o aumento do número de vagas em creches, um problema crônico enfrentado por gestões passadas.

“Os prefeitos que me antecederam criaram 5.100 vagas de creche. Na nossa gestão, agora no mês de junho, já chegamos a 10.208 vagas, com isso eu estou dobrando. Aquilo que se fez em 16 anos, nós estamos dobrando em 2 anos e 6 meses, com o período que posso contar, tirando o ano que focamos na pandemia”, destacou o prefeito, que também citou a melhor nota alcançada por Manaus no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que atingiu 6,2 na educação básica nos anos iniciais (5º ano), e anos finais (9º ano) teve nota 5,2.

Nosso Centro

O prefeito destacou, ainda,  o avanço do projeto de recuperação do centro histórico de Manaus, por meio do programa “Nosso Centro”. Ele apontou como resultado dessa ação, a construção do mirante Lúcia Almeida, que integra o complexo da ilha de São Vicente, composto, ainda, pelo largo, casarão Thiago de Mello e pelo Píer Turístico de Manaus 355, que será inaugurado em junho. David Almeida ainda informou que a prefeitura tem novas metas para Centro, com projeto de moradias e para levar serviços de quatro secretarias municipais para a região.

Transporte

Os avanços no transporte público também foram mencionados pelo prefeito durante a entrevista. Ele citou a entrega de mais de 300 ônibus novos, com mais de 40% da frota circulante sendo de veículos com ar-condicionado, a maior frota refrigerada do país. Além disso, o chefe do Executivo citou as reformas concluídas nos Terminais de Integração 1 e 2, o T3 com reforma em andamento, o T7 em obras, e que serão reformados os terminais T4 e T5. A sensação de segurança nos veículos também foi ampliada, com 80% dos veículos equipados com câmeras de monitoramento e com a Guarda Municipal realizando blitz nos terminais e veículos para coibir assaltos.

Meio ambiente

Com relação ao meio ambiente, o prefeito David Almeida explicou que existe uma meta de reduzir a quantidade de lixo recolhido no rio Negro, que chega por meio dos igarapés. Atualmente, a prefeitura recolhe mais de 700 toneladas de lixo, por mês, dos rios. Para atingir esse objetivo, ecobarreiras estão sendo instaladas em igarapés, com três já em funcionamento.

A intenção é colocar ecobarreiras nos 33 igarapés do perímetro urbano da nossa cidade para que a gente evite a chegada desse lixo até o Rio Negro. A nossa meta é fazer com que 90% desse lixo seja contido antes de chegar ao nosso principal rio.

Matérias Relacionadas

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Últimas Notícias