sábado, maio 18, 2024

Alessandro Fernan é promessa da música instrumental amazonense

O musicista Alessandro Fernan lançou, no dia 15 de fevereiro, o videoclipe de sua nova canção instrumental, intitulada “Strong Wind”. O artista amazonense está nos primeiros passos na música como profissional, mas a caminhada até chegar a esse estágio foi bem longa, como o próprio detalhou em entrevista.

“Comecei de fato na música aos 10 anos quando ganhei meu primeiro instrumento musical: um violão. Antes disso, meu único contato com a música eram as canções que ouvia quando ia para casa do meu tio e ele botava música no carro, e sempre era música eletrônica”, disse Alessandro Fernan sobre o início de sua trajetória com musicista.

Desde o começo foi perceptível, sua facilidade em aprender diferentes instrumentos na base da insistência com poucas aulas de especialistas. E ainda muito jovem aproveitou a tecnologia que tinha em suas mãos para experimentar diferentes sons.

“Eu chegava da aula, ia direto para o computador para mexer no programa para aprender mais e a tirar novos sons. Enquanto eu ouvia as musicas eu pensava comigo mesmo “eu também posso fazer esse som, e tentava copiar”, relatou o artista sobre o seu processo criativo na adolescência.

Alessandro quase ingressou em uma Universidade Pública no curso de Música, mas alguns empecilhos lhe afastaram deste sonho. Mas, aos 21 anos, o musicista lançou sua primeira música, “Jornada”, com estilo instrumental clássico marcante. Em 2022, o artista começou mais uma jornada para lançar uma nova música.

“Passei o ano tentando lançar uma música, mas fiquei em hiato por conta de não conseguir financiar meu projeto. Foi quando decidir produzir sozinho meu primeiro projeto, o EP The Arrival Of The Sun, que conta com 4 faixas totalmente produzidas por mim, desde produção, a mixagem e masterização”, disse Alessandro Fernan sobre o hiato e volta com EP”.

O EP “The Arrival Of The Sun” é o projeto que marca totalmente o estilo de musical de Alessandro que gosta de uma música clássica acompanhada de elementos eletrônicos.

“É como juntar uma orquestra com um computador. O acústico e o tecnológico. O intuito é fazer sons que despertem emoções diferentes no ouvinte. A novidade que o estilo traz é o ouvinte criar cenários, historias, com a criatividade da mente com cada musica. Esse é o poder da arte, contribuição entre autor e ouvinte na criação de historias, emoções e sentimentos únicos”, afirmou Alessandro sobre o efeito do estilo inovador aos ouvintes.

O artista amazonense também gosta de músicos que carregam inovação no sobrenome, como Hans Zimmer (compositor de trilhas sonoras) e Olafur Arnulds, produtor musical de 36 anos que segue o estilo de música instrumental em seus projetos.

E por fim, Alessandro deixou um recado aos seus fãs sobre o seu novo projeto EP “The Arrival Of The Sun”: “Que minha música toque as pessoas positivamente, fazendo com que se sintam bem ouvindo e podendo trazer emoções a tona, despertando a criatividade, criando histórias ou revivendo as que já existiram. Que a música traga liberdade poeta para construção de uma conexão entre quem está ouvindo e o compositor”, finalizou o artista.

Matérias Relacionadas

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Últimas Notícias