sexta-feira, maio 17, 2024

Manaus tem 75 pontos de vacinação contra a Covid-19 nesta semana

Na penúltima semana do mês de março, a Prefeitura de Manaus oferta as vacinas contra a Covid-19, em 75 pontos de imunização localizados em todas as zonas geográficas da capital. A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), responsável pela campanha, informa que as crianças a partir de 6 meses, adolescentes, adultos e idosos, devem tomar suas doses de reforço ou iniciar o esquema vacinal para evitar as formas graves da doença.

A secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, explica que a população pode se vacinar com a primeira, segunda, terceira, quarta e quinta doses do imunizante, seguindo as orientações do Ministério da Saúde. Para receber o imunobiológico é necessário apresentar documento de identidade com foto, CPF ou Cartão Nacional de Saúde (CNS) e cartão de vacina.

“Os números mostram que estamos vivendo em um cenário epidemiológico com muito mais controle do que quando os primeiros casos de Covid começaram a surgir, em 2020. E podemos atribuir esse quadro mais tranquilo à vacinação. Quanto mais doses forem aplicadas, melhor será nossa realidade. Reforçamos que todos devem iniciar e completar seu esquema vacinal para evitar o comprometimento da saúde”, frisa Shádia.

A titular da Semsa enfatiza que as unidades de saúde que ofertam os imunobiológicos funcionam no horário regular, de 8h às 17h, mas quem não tem a oportunidade de ir neste período de tempo, pode recorrer às nove unidades de saúde que trabalham com horário ampliado, até as 21h. Os endereços, horários, públicos e vacinas ofertadas podem ser conferidos no site semsa.manaus.am.gov.br ou direto no link bit.ly/localvacinacovid19.

Outro ponto destacado pela secretária Shádia é a oferta da vacina bivalente, que faz parte da segunda geração de imunizantes e atua combatendo a variante original e as subvariantes da Ômicron, gerando uma resposta imunológica mais eficaz. A bivalente está sendo ofertada em 55 pontos de vacinação da capital, desde o dia 15/2, para os grupos prioritários que estão com o esquema básico completo ou com as doses de reforço, há pelo menos quatro meses.

No total, sete grupos prioritários estão aptos para receber a vacina:  idosos com 60 anos ou mais; gestantes e puérperas; imunossuprimidos; indígenas aldeados; ribeirinhos; quilombolas; e pessoas que vivem ou trabalham em instituições de longa permanência.

Unidades específicas

Para organizar a oferta dos imunizantes para bebês e para as crianças de 5 a 11 anos, a Semsa vem concentrando a vacinação para estes segmentos em unidades específicas. Os bebês a partir de 6 meses até 4 anos de idade, podem ser imunizados em 14 unidades. Já as crianças de 5 a 11 anos devem ser vacinadas em um dos 35 pontos destinados ao atendimento desse público.

Desde o dia 13/3, a oferta da segunda dose da CoronaVac, que não estava sendo repassada pelo Ministério da Saúde, está normalizada em Manaus. Ao longo da semana este imunobiológico está sendo aplicado em 14 unidades básicas de saúde

 

Foto: Divulgação 

Matérias Relacionadas

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Últimas Notícias