quarta-feira, abril 24, 2024

Ministério da Saúde garante que Manaus será uma das prioridades do novo ‘Mais Médicos para o Brasil’

Manaus e demais localidades da região Norte estão entre as prioridades do governo federal no relançamento do programa “Mais Médicos para o Brasil”. A garantia foi dada pela equipe de gestão da Secretaria de Atenção Primária à Saúde do Ministério da Saúde (Saps), nesta quinta-feira (23/3), em Brasília (DF), em reunião com a secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, e os subsecretários da pasta, Djalma Coelho e Nagib Salem, que representaram a Prefeitura de Manaus.

Na capital federal, os gestores da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) tiveram reuniões no Palácio do Planalto e Ministério da Saúde ao longo de toda a quinta-feira, apresentando um panorama da saúde municipal ao novo governo.

A retomada do programa “Mais Médicos para o Brasil”, anunciada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na última segunda-feira, 20, foi uma das principais pautas abordadas, em função do fim de ciclos do programa anterior e o receio da escassez de médicos nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) da cidade. Também estiveram na pauta temas como infraestrutura dessas unidades e recursos para obras na área da saúde.

“Nossa intenção foi mostrar a toda equipe do Ministério da Saúde e da Presidência da República as dificuldades que vivenciamos na região Norte”, explicou Shádia, que foi recebida pelo secretário especial de Assuntos Federativos da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República, André Ceciliano; pelo assessor da Saps, Wellington Pereira; e o assessor Especial de Assuntos Parlamentares e Federativos do Ministério da Saúde, Chico D’Angelo.

Manaus acolhe em sua rede 53% da população de todo o estado do Amazonas e tem atualmente 211 UBSs. Ao governo federal, Shádia demonstrou preocupação em ter no município um número de médicos adequado para atender a demanda da capital. Segundo o assessor da Saps, Wellington Pereira, o edital do novo programa será lançado semana que vem e a região Norte será bem atendida.

“O ministério já havia monitorado essas demandas e a gente sabe das dificuldades da região Norte. Nesse exato momento nossa equipe está preparando o edital do programa, que será divulgado semana que vem, e sem dúvida Manaus e toda a região Norte terão atenção prioritária”, afirmou.

A secretária municipal de Saúde também destacou o desafio logístico no município para levar atendimento à população ribeirinha. “Viemos em busca de um olhar diferenciado e ficamos contentes e otimistas de ver que a região Norte está sendo vista e bem acolhida pelo governo Federal”, concluiu a gestora.

Programa Mais Médicos para o Brasil

O programa “Mais Médicos” existe há dez anos e foi substituído pelo “Médicos pelo Brasil” durante o governo Jair Bolsonaro (PL). Relançado pelo presidente Lula com o nome “Mais Médicos para o Brasil”, o novo programa dará prioridade para profissionais brasileiros e visa ampliar o número de profissionais de saúde no SUS, principalmente em áreas mais vulneráveis. Além disso, são previstos investimentos na construção e reformas de Unidades Básicas de Saúde. Neste ano, o governo pretende abrir 15 mil vagas e investirá R$ 712 milhões.

Além da bolsa, os profissionais também receberão benefícios, terão direito à licença maternidade de até seis meses e paternidade de até 20 dias, e poderão fazer especialização e mestrado durante o tempo que estiverem no programa, que tem duração de quatro anos. O objetivo é conseguir manter os profissionais em regiões de difícil acesso.

Matérias Relacionadas

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Últimas Notícias